A história d’O Coração da Cidade, regista um percurso pleno de actividade e dinamização...

O NASCIMENTO D`O CORAÇÃO DA CIDADE

Nasce em 20 de Agosto para apoiar em exclusivo as pessoas sem abrigo da cidade do Porto, com o objectivo de contribuir para a dignificação do seu estado de pobreza. Com sede na Rua do Bonjardim, no coração da cidade invicta.

ABERTURA DO PRIMEIRO REFEITÓRIO NA CIDADE

Abre o primeiro refeitório na cidade e inicia o apoio com refeições diárias.

ALARGAMENTO DO APOIO ALIMENTAR AO DISTRITO DO PORTO

Amplia o seu trabalho estendendo-o ás pessoas sem-abrigo do distrito do Porto.

DAR DE COMER A QUEM TEM FOME, SEM EXCEPÇÃO

Continua a dar refeições diárias ás pessoas sem-abrigo e também ás pessoas toxicodependentes enviadas pela Segurança Social do distrito do Porto.

TODOS OS DIAS, UMA MULTIDÃO PARA JANTAR

As pessoas sem-abrigo, as pessoas toxicodependentes e os imigrantes de Leste, já representam diariamente 875 pessoas para jantar.

Por esta altura, o Coração da Cidade começa a procurar instalações mais amplas e funcionais.

O SOCORRO AOS IMIGRANTES DE LESTE NA CIDADE

Ás pessoas sem-abrigo e toxicodependentes juntam-se os primeiros imigrantes de Leste.

O APOIO INCONDICIONAL CONTINUA

A distribuição de alimentação e outros apoios continuam.

6 anos de apoio incondicional e 692 600 ajudas a quem precisa.

O CORAÇÃO DA CIDADE PROTEGE MENSALMENTE 2000 PESSOAS

Continuamos a ajudar as pessoas sem-abrigo e muitas outras pessoas sem trabalho e com fome, que fazem no O Coração da Cidade as suas refeições diárias.

O desemprego atinge numerosas famílias e já não dá para esconder mais o problema da pura sobrevivência, a fome coloca muitos agregados familiares numa situação terrível e difícil.

As Técnicas Sociais enviam para O Coração da Cidade 500 famílias sem pão que crescem à média de 5 famílias todos os dias. Segundo os técnicos sociais, não há para onde enviar tantas famílias com fome.

O Coração da Cidade já protege mensalmente 2000 pessoas, entre elas, 500 crianças em idade escolar.

Neste ano, existem para cima de 6500 famílias registadas no distrito do Porto, a precisar de auxílio alimentar.

SOBRAS - Campanha de Recolha Alimentar

Iniciamos a campanha alimentar “SOBRAS”, com a intenção de sensibilizar as empresas do ramo alimentar e similares a doarem os bens que possam ajudar a minorar este problema.

Todas as ajudas são canalizados para os mais carenciados e segundo inquérito prévio, para que não se perca o objectivo que nos trouxe até aqui. Solicitamos a união solidária de todos os que nos possam apoiar.

ANO DE VIRAGEM NO TRABALHO DE APOIO SOCIAL

Foi o ano de mais uma viragem no nosso trabalho de apoio social. 

Tomamos mais uma vez o rumo daqueles que mais fragilizados e em maior número nos procuram, os desempregados e os mais idosos.

Carregam consigo a fome, a solidão e o medo, de um egoísmo terrível, fruto duma sociedade, na qual pensam não ter lugar.

Elevar-lhes a auto-estima para poderem continuar a viver dignamente, é o nosso propósito.

Novas Instalações d`O Coração da Cidade

São inauguradas as novas instalações e O Coração da Cidade prossegue sem apoios governamentais ou comunitários, contando apenas com a ajuda da sociedade civil.

"A MENTE, O SILÊNCIO, A VOZ" - CULTURA EM ACÇÃO SOLIDÁRIA

Livraria Solidária

Foi inaugurada a Livraria, de cariz solidário, com objectivos perfeitamente definidos.

No âmbito das adopções sociais que estão em vigor no Programa VER, a Livraria está a consolidar-se para que a formação académica de jovens sem possibilidades económicas, não fique apenas no desejo de acontecer.

Viabilizar a formação e especialização desses jovens é o objectivo deste espaço cultural.

CEIRAS - Centros Especiais Interactivos de Recurso e Apoio Social

Não esquecendo as crianças e com carácter de urgência, neste ano de 2008, são lançados os Centros Especiais Interactivos de Recurso e Apoio Social.

Estes espaços são simples apoios de vizinhança, que se pretendem dinamizados, no sentido de oferecer apoio a mães, sem capacidade de se deslocarem para os afazeres externos, pelo simples motivo de não conseguirem deixar os filhos que estão a seu cargo, em segurança.

Assim, as CEIRAS, são espaços onde se trocam serviços de apoio, para que durante um curto espaço de tempo, possamos tomar conta dos filhos de outras mães, que necessitam de se deslocar, sem prejuízo da segurança das crianças a seu cargo.

Com equipas sensibilizadas para o facto, dentro dos bairros sociais e em núcleos urbanos definidos, essa possibilidade é uma mais-valia.

Os mais idosos e os doentes, também mereceram de nós especial atenção.

Voluntários AVE - Um novo espaço para voluntariado

O serviço de apoio domiciliário, direccionado a pessoas acamadas, idosas, ou portadores de determinada patologia, que os impeça de se deslocarem, pelos seus próprios meios, ao Coração da Cidade, tem merecido da nossa parte especial cuidado.

Para que este apoio seja efectivo e rápido, foi criado o Voluntário AVE, que tem como missão realizar a entrega ao domicílio de bens alimentares a pessoas carenciadas, que não conseguem deslocar-se até nós e requisitam este serviço.

Ser Voluntário AVE é fundamental para que muitos seres humanos vivam outras realidades, ocultas à maioria, mas carregadas de grande e doloroso sofrimento.

O Coração da Cidade é um pólo social e dinâmico, de serviço emergente, onde a humanização está sempre presente em todas as suas iniciativas.

PROGRAMA SE, GABINETES DE CRISE, PROGRAMA ARESTA E REFEIÇÕES DIÁRIAS PARA 500 PESSOAS

Programa SE - Socialmente Educados

É criado o programa SE, dirigido a pessoas carenciadas, sem retaguarda familiar, sem dependências, em idade activa e capacitadas para o trabalho. De carácter preventivo e dinâmico, tem por base oferecer o acesso a formação cívica imediata e constante para reintegração no mercado de trabalho. A adaptação ao programa obedecia a uma remodelação constante de forma a correspondermos individualmente, sem formatar mentalidades, mas a modelar corações, respeitando a idiossincrasia de cada um. 

Revitalizar a individualidade, para tornar possível com êxito, apoiar indivíduos que se encontram muito perto da ruptura emocional, moral e social. 

Ao abrigo deste programa, são disponibilizados alojamentos temporários, denominados de "Trampolim", moradias familiares para 5 pessoas com responsabilidades repartidas e assumidas pelos beneficiários do alojamento.

Gabinetes de Crise

Durante os primeiros meses de 2009, a população que acorre ao O Coração da Cidade sobe mais de 50%, verifica-se um aumento de pedidos de ajuda da classe média, devido ao acentuado endividamento pessoal.

São criados os Gabinetes de Crise para aconselhamento e apoio psicológico, económico e jurídico.

Programa ARESTA - Apoio de Recurso Espiritual e Social com Tratamento Acompanhado

 

O Coração da Cidade continua a dar refeições a mais de 500 pessoas diariamente.

RENTABILIZAÇÃO DE RECURSOS - ANO DA FORMAÇÃO PESSOAL

2010 não foi um ano rentável, poderia ter sido melhor se não continuasse a existir falta de colaboração.

A todos os níveis, a política social não confere graça de meios e métodos ás populações mais carenciadas, para que estas, se possam sentir bem e afirmarem-se positivamente.

Surgiu a oportunidade de abrir espaço para a consolidação da formação do programa POPH, visando a melhoria de vida e de conhecimentos dos que nos cercam.

O MOVIMENTO D`O CORAÇÃO NÃO PÁRA... 24H DE AJUDA INCONDICIONAL 

SER - Socorro em Rede

Um programa de ajuda alimentar, especialmente dirigido para a classe média e a classe média alta.

Não é fantasia nenhuma, que muitas famílias, onde nem suspeitamos, sofrem com problemas alimentares e com eles convivem sem que ninguém suspeite.

Têm dificuldade em revelar a sua situação e são apoiados por amigos e familiares mais próximos, que disfarçadamente, os vão ajudando. 

Não conseguem abordar uma instituição e têm que ser ajudados.

Assim ajudamos, com carácter de sigilo absoluto.

A identidade da família em causa é apenas do conhecimento da direcção.

Refeitório Social

Os utentes para refeições aumentaram assustadoramente, são em média diariamente, 700 pessoas, que equivale a 20.000 refeições por mês.

Já não nos dirigimos apenas às pessoas sem abrigo, mas sim, a todas as classes sociais, entre as 10h e as 20h.

O refeitório está aberto para ajudar quem não tem onde se alimentar.

Vítimas do desemprego e da crise económica, encontram-se a viver um drama bem difícil de resolver.

Outlet Social

Ficamos atónitos, os desempregados da área dos móveis, como marceneiros e polidores de móveis, eram ás dezenas sem emprego e a pedir auxílio. As mulheres do sector têxtil apareciam de igual modo.

Auxiliamos numa primeira fase 80 famílias.

A cidade de Paços de Ferreira  e a cidade de Freamunde merecem de nós uma atenção especial.

Abrimos um Outlet Social, para recolha e distribuição de vestuário e mobiliário, em segunda mão e acessível a quem tem fracos recursos.

A distribuição, recolha, manutenção e reparação de bens usados, permitiu  ocupar cerca de 100 pessoas.

 

O Coração a Cidade muda o seu perfil social

Percebendo que as respostas sociais para as pessoas sem-abrigo são suficientes na cidade, não existe necessidade de sobrepor serviços.

Como organização preparada para o socorro imediato à fome e à pobreza, dirigimos a nossa acção para o grande flagelo social que atravessa o país: as pessoas desempregadas e as pessoas com baixas pensões e reformas. 

A maleabilidade com que nos lançamos em novas tarefas, já não é novidade para ninguém.

Um novo conceito de ajuda, que se ajusta mais ao tempo, que decorre nublado pelo desespero, pela insegurança e pela consequente inacção, abafando tudo e todos, num trajecto de injustiça social, que requer de quem está a trabalhar no campo de pobreza, mais atenção e mais celeridade nos contactos e na concretização de meios.

TAKE-AWAY d’O Coração da Cidade

Dia 1 de Novembro, um novo serviço de apoio alimentar vem ocupar mais de 100 voluntários, dedicados à confecção e à distribuição alimentar.

Este programa é destinado aos seguintes grupos:

• Desempregados;

• Trabalhadores com baixos rendimentos;

• Pensionistas com dificuldades de sobrevivência.

PROJECTOS DE AMOR E PARTILHA, OS NOVOS POBRES E UMA MESA FARTA PARA TODOS  

Migalhas de Amor

Concebida como complemento ao programa Take-Away, a iniciativa Migalhas de Amor, permite a quem, nada tendo de momento para se alimentar, instantaneamente obter acesso a alimentação, adquirindo as suas senhas de forma graciosa.

Oficinas de Amor

O Coração da Cidade, sensibilizou as pessoas que têm capacidade para trabalhos manuais, a mostrarem as suas habilidades, para depois as colocarem em prática de forma mais útil.

Esta actividade permite que os trabalhos executados, estejam expostos nas Lojas Sociais da instituição, revertendo o seu valor, a favor de quem os executa, contribuindo para a economia do lar.

Programa MESA FARTA

A abertura do Programa MESA FARTA permite a todos os beneficiários levar para casa, um conjunto de alimentos não confeccionados, que ajudam na economia do lar.

O Coração da Cidade recolhe de várias empresas do ramo alimentar e de todos os eventos que aderem ao programa, os produtos alimentares que são diariamente distribuídos no Mercado Mesa Farta.

Este apoio abrange todas as pessoas, que inscrevem a sua família e que se encontram nas seguintes condições: desempregados, trabalhadores com baixos salários e reformados com baixas pensões.

Os beneficiários do programa podem abastecer o seu carrinho, diariamente, com produtos alimentares, tais como:

pão, pastelaria, carne, peixe, fruta, legumes e leite e derivados do leite, charcutaria, entre outros.

ABENÇOADA AJUDA...

Com o carinhoso apoio e dedicação dos nossos amigos e parceiros, servimos diariamente, mais de 2500 kg de alimentos, mais de 400 embalagens de comida.

3600 PEDIDOS DE AUXÍLIO... PROGRAMA AI - APOIO IMEDIATO

Programa AI - Apoio Imediato

Críamos para maior apoio o Programa AI - Apoio Imediato. 

Excluímos toda a burocracia e de forma imediata, ajudamos quem nos procura. Registamos 3600 pedidos de auxílio.

Quem pode fazer voluntariado, está connosco, ajudando aqueles que não podem voluntariar.

O nosso programa alimentar está a resolver, pelo menos no distrito do Porto, a debilidade económica de muitas famílias.

Aumentos a nossa capacidade de recolha de bens alimentares e procuramos mais parceiros para ampliar a nossa acção.

Chegar mais longe, a mais seres humanos e cada vez mais, com maior qualidade possível, é um dos objectivos que queremos honrar.

O ANO DA EXPANSÃO - GIF "O VOLUNTÁRIO CERTO"

Lojas Sociais d`O Coração da Cidade

Abertura da rede de Lojas Sociais d`O Coração da Cidade, a toda a área metropolitana do Porto, para detecção de novos focos de pobreza. 

Voluntário GIF - Guia Individual Familiar

A criação do Voluntário GIF, visa o acompanhamento individual das pessoas sem apoio, no sentido de as orientar. 

É um programa social extensível, que mobiliza meios nunca usados anteriormente, para que cada um dos seres humanos que está em melhor situação, possa apoiar os que estão numa situação mais difícil e ajude no sentido de educar vontades para um prosseguir mais correcto e libertador.

ANO DA HUMANIZAÇÃO

Um ano particularmente difícil, devido à conjuntura económica e ao drama terrível que está paulatinamente a envolver grande parte das famílias portuguesas.

Existem famílias que não conseguem alimentar-se duas vezes por dia.

Dramaticamente registamos famílias que não têm um cêntimo para se alimentarem.

O desemprego deixou em muitos lares, o espectro da fome e há necessidade de socorrer no imediato quem tem fome.

O Coração da Cidade é uma âncora para quem está a desaguar no desemprego. 

Existem pessoas com formação académica a solicitar apoio alimentar.

Durante todo o ano a solidariedade aconteceu de muitas formas:

  • Ajuda continuada em refeições diárias;

  • Apoio emergente aos lares carenciados através da criação do programa “BANCO ALIMENTAR DA FAMÍLIA”;

  • Formação pessoal a utentes sem recursos;

  • Ensino da economia doméstica para famílias em situação de desemprego;

  • Incremento do voluntariado como terapia ocupacional;

  • Tratamento em rede dos meios existentes, no âmbito da protecção pessoal aos mais carenciados;

  • Optimização dos recursos;

  • Realização de peditórios alimentares nas grandes superfícies;

  • Eventos culturais diversos de sensibilização humanitária.

CORAÇÃO NOVO "AGIR - ERA DA DINÂMICA DA HUMANIZAÇÃO"

Os vários projectos em curso, visam todos eles a inclusão e a dignificação do ser humano.

Programa AGIR

Acontece assim de forma inovadora um programa social de profundo impacto junto da população mais carenciada.

Diferente na sua projecção social, na sua concepção, este programa prevê igualmente a realização protocolar de parcerias integradas com todas as instituições possíveis, nomeadamente as autarquias e a Segurança social.

60 instituições, da área metropolitana do Porto, aderem ao programa e oferecem espaço para as tarefas que propomos, como participantes no novo programa social.

O ANO DA REVITALIZAÇÃO

As dinâmicas de grupo começam a tomar forma e a instituição alastra o seu modo de agir de forma impressionante aos que chegam dolorosamente através das vias do desemprego e da decapitação de meios a nível social.

Sensibilizados os principais intervenientes com cursos de formação profissional, que afinal não mitigam a dor de viver sem sustento visível para a família que têm a seu cargo, estes mesmos vêm pedir ajuda na esperança de um auxílio imediato. 

O Coração da Cidade, num périplo de acção conjunta com as empresas, iniciou a construção atempada de uma nova forma de agir perante as populações mais carenciadas, em vias de exclusão, dirigindo a sua acção social de forma simples, mas concreta, incrementando o serviço cívico eficiente.

O Voluntariado Empresarial começa a ganhar força.

1996

1996

1997

1998

1999

20000

2001

2002

2003

2004

2005

2006

2007

2008

2009

2010

2011

2012

2013

2014

2015

CONTACTE

-NOS

Rua Antero Quental, 816

4200-066 Porto

Tel. 22 502 55 55

E-mail: geral@ocoracaodacidade.pt

SIGA

-NOS

  • Facebook Social Icon

AJUDE

-NOS

FAÇA AQUI O SEU DONATIVO ONLINE

Preencha o formulário para o envio do seu recibo para efeitos de mecenato.

Obrigado. 

newsletter

Subscrever NEWSLETTER

O Coração da Cidade 2019